Sobre a Revista

A Revista Mídia e Design eISSN 2965-6826 é editada pela FATEC Carapicuíba, São Paulo, Brasil.

 

Histórico

Revista Mídia e Design foi criada em 2023 após um período de diálogos entre o coordenador do Curso Superior de Design de Mídias Digitais, Prof. Ms. Tarcísio de Souza Peres e a Diretora da Unidade da Fatec Carapicuíba, Profa. Dra. Márcia de Araújo, quando ambos perceberam a necessidade de desenvolver uma plataforma que pudesse conter trabalhos acadêmicos relevantes de alunos e professores. Assim, nasceu a Revista Mídia e Design, que opera em plataforma eletrônica de código aberto OJS SEER (Open Journal System) e possui periodicidade anual.

 

Foco e Escopo

Revista Mídia e Design publica diversos trabalhos acadêmicos desenvolvidos por alunos de graduação, professores e demais pesquisadores.

Os trabalhos, na sua maioria, são resultados de pesquisas exploratórias, experimentais, revisões bibliográficas, estudos de casos e levantamento de dados, que podem se adequar ao escopo da Revista e serem publicados.

A periodicidade da Revista é anual.

O foco da Revista Mídia e Design contempla várias linhas de pesquisa, refletindo a natureza interdisciplinar e inovadora do campo:

1. Design e Experiência do Usuário: Investigação sobre como o design de interfaces, a usabilidade e a experiência do usuário influenciam a interação com mídias digitais. Isso pode incluir estudos sobre design responsivo, acessibilidade e design inclusivo.

2. Tecnologias Emergentes em Mídias Digitais: Exploração de novas tecnologias como realidade aumentada (RA), realidade virtual (RV), inteligência artificial (IA) e machine learning, e como elas estão moldando o futuro do design digital.

3. Marketing Digital e Gestão de Marca: Estudos sobre estratégias de marketing digital, gestão de conteúdo, SEO, análise de redes sociais e influência do marketing digital no comportamento do consumidor.

4. Análise de Dados e Big Data: Pesquisa sobre como a análise de dados e big data estão sendo utilizados para informar decisões de design e estratégias de marketing em mídias digitais.

5. Comunicação Visual e Multimídia: Estudos sobre a criação de conteúdo visual e multimídia, incluindo gráficos, animação, vídeo e design sonoro, e seu impacto na comunicação e engajamento do usuário.

6. Impacto Social e Cultural das Mídias Digitais: Análise crítica do impacto das mídias digitais na sociedade, incluindo questões de privacidade, ética, desinformação e o papel das mídias digitais na cultura contemporânea.

7. Desenvolvimento Web e Mobile: Pesquisas focadas no desenvolvimento de aplicações web e mobile, incluindo tendências de programação, frameworks e melhores práticas.

8. Segurança Digital e Privacidade: Estudos sobre os desafios de segurança e privacidade em mídias digitais, incluindo a proteção de dados pessoais e corporativos e a ética em torno da coleta de dados.

9. Educação e Mídias Digitais: Exploração do papel das mídias digitais na educação, incluindo e-learning, gamificação educacional e o uso de tecnologias digitais para melhorar a aprendizagem e o ensino.

10. Sustentabilidade e Design Digital: Pesquisa sobre práticas sustentáveis no design de mídias digitais, incluindo design para a redução de resíduos eletrônicos e estratégias para minimizar a pegada de carbono digital.

Cada uma dessas linhas de pesquisa representa uma área significativa de investigação e inovação no campo do Design de Mídias Digitais, oferecendo amplas oportunidades para contribuições acadêmicas e profissionais.

Os trabalhos de pesquisa enviados e submetidos devem oferecer contribuições efetivas e serem obrigatoriamente originais e inéditos, sendo publicados exclusivamente na Revista Mídia e Design.

Os artigos podem ser escritos nos idiomas português e inglês e são de total responsabilidade do(s) autor(es), que deve(em) observar os direitos autorais e os princípios éticos, além das normas exigidas pela Revista.

Revista Mídia e Design utiliza a ferramenta eletrônica CopySpider, sob licença pessoal, para a detecção de plágio (e autoplágio), e rejeita automaticamente os manuscritos que apresentam esse tipo de conduta. Consideramos plágio quando um autor utiliza ideias, conceitos ou frases de outro autor sem citá-lo como fonte de pesquisa.

Apontamentos, conteúdos diversos e opiniões apresentados nos trabalhos não representam a posição da Revista Mídia e Design, sendo o conteúdo divulgado de responsabilidade dos autores.

 

Processo de Avaliação pelos Pares

Em relação ao processo de avaliação, alguns critérios foram previamente estabelecidos, em concordância com sua política editorial da Revista, tais como: adequação ao foco e escopo da revista, observância às normas técnicas e gramaticais, relevância do tema e conteúdo. Critérios estes considerados fundamentais.

O Conselho Consultivo da Revista Mídia e Design é constituído por um corpo científico especializado composto por avaliadores externos à instituição. Vale ressaltar que a equipe de trabalho interna, administradores técnicos e responsáveis pelo fluxo editorial da revista não fazem parte deste corpo. 

Durante o processo de avaliação, os artigos serão enviados para no mínimo dois pareceristas, membros do Conselho Consultivo. Os nomes dos pareceristas permanecerão em sigilo, bem como os nomes dos(as) autores(as) também serão omitidos dos pareceristas, garantindo assim, o critério duplo-cego na avaliação.

Os pareceristas do Conselho Consultivo poderão recomendar a publicação; solicitar ajustes na forma, estrutura ou conteúdo; negá-las. Caso seja solicitado algum ajuste pelo parecerista, o artigo será devolvido ao autor solicitando as alterações contidas no parecer e observando o cronograma da revista. Com base nos pareceres, os editores poderão decidir sobre a publicação dos artigos. 

 

Taxas para submissão e publicação de trabalhos

Não há nenhuma taxa por textos publicados e tampouco pelos submetidos para avaliação, revisão, publicação, distribuição ou download.

A Revista Mídia e Design é totalmente gratuita.

 

Política de acesso livre

Revista Mídia e Design possibilita ao usuário acesso livre e imediato a todo seu conteúdo, observando o princípio de que disponibilizar e dar acesso gratuito ao conhecimento científico, proporciona uma maior democratização mundial dos conhecimentos científicos. Desta maneira, todo conteúdo da Revista está disponível gratuitamente, sem custo para seu usuário ou instituição. É importante destacar que os direitos autoras dos artigos publicados, pertencem à Revista Mídia e Design. É permitido aos seus usuários ler, baixar, copiar, distribuir, imprimir, pesquisar ou vincular os textos completos dos artigos, ou usá-los para outras finalidades legais, sem a necessidade de pedir permissão prévia do editor ou autor dos mesmos.  

 

Política de preservação digital

A Revista Mídia e Design usa o sistema PKP PN, para criar um arquivo que é distribuído entre as bibliotecas participantes. O sistema possibilita que estas bibliotecas criem arquivos permanentes da publicação para fins de preservação e restauração. Mais informações em: https://pkp.sfu.ca/pkp-pn/ 

Os artigos também são preservados nos servidores que hospedam o site da Fatec Carapicuíba.

 

Indexadores e outros cadastros

Google Acadêmico (em indexação)
Diadorim (em análise)
Redib (em análise)
Livre (aceito)
Sumários (em análise)
Latindex (em análise)

 

Protocolos de interoperabilidade

A Revista Mídia e Design permite a coleta de recursos digitais e metadados por outros sistemas de distribuição através do Open Archives Initiative Protocol for Metadata Harvesting (OAI-PMH) – fonte OAI validada por BASE OAI-PMH Validator.

Conheça a Declaração de Privacidade da Revista Mídia & Design

 

Declaração de Privacidade - Os nomes e endereços informados nesta Revista serão usados, exclusivamente, para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.